Barroselas

C.P. Encerra Serviços de Despacho

13 Setembro 2017

O Conselho de Gerência da C.P. mandou encerrar o Serviço de Despachos normais na Estação de Barroselas. A partir do dia 30 de Janeiro de 1989, o povo de Barroselas e freguesias vizinhas, ficou privado de levantar ou despachar as suas mercadorias. Ficam os serviços de volumes de urgência a funcionar, os quais acarretam maior despesa ao despachante, e não se podem despachar volumes com peso superior a 30kg. Para o fazer terá que se deslocar às Estações de Barcelos ou Viana do Castelo. Quem não se recorda do grande movimento de despachos aí pelos anos 60, onde tudo se despachava, cabos, madeiras, remos, pipos, gado, galinhas etc. A C. P. foi uma alavanca de desenvolvimento para a zona, porque nega agora os seus serviços? Com esta medida, vem atrofiar e paralisar tanta indústria que existe em Barroselas. Está a gerar um descontentamento, geral da parte da população pois vê-se roubada de um benefício que a todos servia, sendo as Indústrias as mais afectadas. Onde irão agora, os despachantes de cabos, confecções, artesanato levar os seus produtos? É inadmissível por parte da Gerência uma atitude destas? Nem o Povo nem a autarquia foram ouvidos, pois todos foram tomados de surpresa. Senhores da C. P. ponderem o caso, para que Barroselas não fique só a ver passar os comboios.


PUB
PUB

Últimas [Património]